O senador Alexandre Silveira de Oliveira (PSD-MG), ex-delegado de polícia, que assume na Casa a vaga deixada por Antônio Anastasia, foi escolhido para assumir a vaga de líder do governo no Senado. Por ser mineiro, afinidade com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, não faltará

 

A jogada do presidente Jair Bolsonaro de colocar os dois mineiros para azeitar as relações tem fundamento.

Silveira foi diretor do DNIT, secretário do governo de Minas na gestão Anastasia e deputado federal. Nos últimos anos, atuou como diretor jurídico do Senado.

Sua indicação estabelece uma ponte direta entre o governo e o presidente da Casa, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), de quem Silveira é próximo.